top of page
  • Foto do escritorAESH

Halloweennnnn no AESH

A comemoração do Halloween é já uma tradição nas escolas do agrupamento. Saibam o que vai acontecer e um pouco mais as suas origens.






As origens do Halloween remontam ao antigo festival celta de Samhain. Os celtas, que viveram há 2.000 anos, principalmente na área que hoje é a Irlanda, o Reino Unido e o norte da França, comemoraram seu ano novo no 1º dia de novembro.


Este dia marcava o fim do verão e da colheita e o início do inverno escuro e frio, uma época do ano frequentemente associada à morte humana. Os celtas acreditavam que na noite anterior ao ano novo, a fronteira entre o mundo dos vivos e dos mortos ficava confusa. Na noite de 31 de outubro celebravam o Samhain, quando se acreditava que os fantasmas dos mortos voltavam à terra.


Além de causar problemas e danificar as colheitas, os celtas pensavam que a presença de espíritos sobrenaturais tornava mais fácil para os druidas, ou sacerdotes celtas, fazerem previsões sobre o futuro. Para um povo inteiramente dependente do volátil mundo natural, estas profecias foram uma importante fonte de conforto durante o longo e escuro inverno.



Origem de algumas tradições


A tradição de vestir fantasias para o Halloween tem raízes europeias e celtas.


No Halloween, quando se acreditava que os fantasmas voltavam ao mundo terreno, as pessoas pensavam que encontrariam fantasmas se saíssem de casa. Para evitar serem reconhecidas por esses fantasmas, as pessoas usavam máscaras quando saíam de casa à noite, para que os fantasmas as confundissem com espíritos semelhantes.

A tradição americana de doces ou travessuras do Halloween provavelmente remonta aos primeiros desfiles do Dia de Finados na Inglaterra. Durante as festividades, os cidadãos pobres mendigavam comida e as famílias lhes davam doces chamados “bolos de alma” em troca da promessa de orar pelos parentes falecidos da família.








98 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page